19

As Cordas Mágicas (Mitch Albom)

Ficha Técnica:
Nome Original: The Magic Strings of Frankie Presto
Autor: Mitch Albom
País de Origem: Estados Unidos
Tradução: Lúcia Brito
Número de Páginas: 352
Ano de Lançamento: 2017
ISBN-13: 9788580416305
Editora: Arqueiro
SKOOB | GOODREADS

Oi gente que ama livros, hoje venho com a resenha do 65º livro lido em 2017 e foi As Cordas Mágicas (Mitch Albom). Já li alguns livros do autor mas já fazia um tempo que não via nenhum lançamento dele no universo literário, até que me deparei com este livro aqui, e desejei ler o mais rápido possível.

O livro nos traz a história de Francisco Presto que já no seu nascimento é cercado por uma série de infortúnios e tem a sua infância marcada por perdas e momentos bem difíceis. Francisco acaba então encontrando na música a saída para os problemas que o perseguem, e seu talento natural para isso faz toda a diferença quando ele começa a se dedicar com seriedade.


O livro então irá se desenvolver sobre a trajetória de vida do protagonista contando-nos detalhes importantes de sua vida pessoal, bem como de sua profissionalização no universo musical.

Duas coisas são muito especiais neste livro para mim. Em primeiro lugar, esta história tem como voz narrativa a própria música e a partir disto entendemos a intimidade do personagem com o seu talento. A música nos conta como encontrou espaço na vida do personagem e como ele a usou durante sua carreira. É uma narração sensível, original e muito envolvente. As analogias dentro do texto nos reportam para grandes talentos musicais e é uma delicia ter esta história contada por uma personagem tão amada.


Outra coisa que me fez adorar o enredo, foi que a infância de Francisco é na Espanha, em Villareal e como eu sou apaixonada por este país e principalmente pela música espanhola, foi maravilhoso conhecer os primeiros anos de vida de Francisco neste cenário tão interessante.

Os personagens secundários conseguem orbitar ao redor do protagonista com muita consistência e é fácil relacioná-los com as pessoas ao nosso redor. São pessoas reais, críveis, consistentes e a grande maioria, carismáticos e envolventes. Destaco o professor de música do protagonista que é de uma força imensa e que nos faz amá-lo intensamente.


O livro é realmente maravilhoso e para mim foi uma experiência deliciosa me reencontrar com a escrita do autor e ainda encontrá-la forte, sensível e emocionante. A história é bonita e traz uma dose de drama interessante no texto. É um livro que nos faz pensar, sentir e amar.

Recomendo para quem gosta de narrativas delicadas e ao mesmo tempo, fortes. Mitch Albon tem uma intimidade com as palavras impressionante e a cada página, me sentia mais presa à história e aos personagens.

Eu adorei!


Um pouco sobre o autor: Mitch Albom é autor de sete livros, entre eles As Cinco Pessoas Que Você Encontra no Céu, Por Mais um Dia (Arqueiro), A Última Grande Lição e Tenha Um Pouco de Fé (Sextante). Suas obras já foram traduzidas para 42 idiomas e tiveram mais de 28 milhões de exemplares vendidos. Ele foi um dos jornalistas esportivos mais premiados dos Estados Unidos, trabalhando como colunista de jornal e apresentador de rádio e televisão. É também roteirista, músico e colaborador de várias instituições de caridade. Mora em Michigan com a esposa, Janine.
Comentários
19 Comentários

19 comentários:

  1. Eu amei este livro, não por se passar em um outro lugar mas por trazer a infância, e toda a vida do personagem e todas as pessoas que passaram por ela de uma forma linda. O livro é perfeito.

    ResponderExcluir
  2. Oi Ivi
    Esse livro é realmente maravilhoso! Confesso que me envolvi profundamente na história e achei genial a mistura da morte e vida do personagem.
    Assim como você, achei incrível a música ser a narradora!
    Fico feliz que assim como eu, você amou!
    Beijinhos
    Rizia Castro - Livroterapias

    ResponderExcluir
  3. Oie, tudo bem?
    Eu amei isso da música contar a história, pois meu livro favorito é narrado pela morte (A menina que roubava livros), e eu acho isso incrivelmente poético. Adorei o enredo da história, parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
  4. Gosto de música e ainda mais quando ela nos faz pensar, sentir e amar como você mencionou que a leitura proporcionou.
    Não conhecia o autor, mas pelo visto ela sabe prender o leitor com obras enriquecedoras.

    Beijos Ivi.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Ivi,

    Esse livro sempre me chamou a atenção, porque amo literatura e música, pra mim é uma junção linda. Adorei saber sobre essa narrativa sensível, me parece ser um livro muito tocante mesmo. Está na lista de desejados, espero ler em breve.

    bjs

    ResponderExcluir
  6. Oi. :)
    Nunca li nada desse autor, mas se tem a ver com música é sempre uma boa pedida. Já li vários livros que a música é o divisor de águas na vida dos personagens, é simplesmente incrível.
    A premissa me parece bem interessante, vou anotar essa dica.
    Parabéns pela resenha.
    Blog As Meninas Que Leem Livros - Lauri Brandão

    ResponderExcluir
  7. Oi, Ivi!
    Acho que nunca li nada do Mitch Albon, mas pela sua resenha este livro me pareceu bastante sensível e a caracterisação de seus espaços parece ter sido muito bem trabalhada para ficar em harmonia com a narrativa. A infânica é um tema realmente cheio de possibilidades e parece que o autor conseguiu mesmo criar uma história tocante e bonita ~marquei na minha listinha hehe
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Oi!

    Eu li essa obra faz um tempinho, mas amei tanto essa história ainda mais sendo sobre um músico, me identifiquei tanto <3 que agora guardo ele embaixo de sete chaves para ninguém ver ele kkkkk

    Bjss

    ResponderExcluir
  9. Olá!

    Quando eu comecei a ler sua resenha, pensei que nunca tinha ouvido falar neste livro, pois não reconheci a capa. Mas depois dei conta que já havido lido uma resenha dele um tempo atrás. Eu achei a premissa bem interessante e achei também adorável o fato do autor ter se referido a música como algo tão importante na vida do protagonista.

    Ingrid Cristina
    Plataforma 9 3/4

    ResponderExcluir
  10. Oi Ivi,
    Ainda não li esse livro, mas tenho muita curiosidade para ler, pois a premissa dele chama minha atenção e adoro esses livros com pega musical. Fiquei muito contente por você ter curtido tanto assim a leitura e por você ter visto referência de um país que você ama.
    Vou anotar a dica e espero que a experiência seja tão boa quanto foi pra você.
    Beijos,
    http://www.umoceanodehistorias.com/

    ResponderExcluir
  11. Oi! Parece ser uma experiência interessante a desse livro, pois você transmitiu muito amor em sua resenha.
    Não conhecia a obra, mas só pela temática musical me deixou curiosa para ler. E por ser uma publicação da Arqueiro tenho certeza que não me decepcionarei :)
    Dica anotada! Beijão!

    ResponderExcluir
  12. Oi.
    Achei genial por parte do autor colocar a música como narradora dos acontecimentos.
    Ainda não tive contato com o autor, mas sempre vejo muitos comentários positivos a seu respeito.
    Eu gosto dessa dosagem bem feita entre delicadeza e drama, é complicado para mim quando o livro torna-se pesado demais por conter uma carga dramática muito grande.
    Adorei a resenha.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  13. QUE. IDEIA. MARAVILHOSA.
    Gente, eu amo quando a narrativa é dada por personagens diferentes e abstratos, mas a MÚSICA? É BRILHANTE!! Não consigo nem imaginar como a autora teve essa ideia sensacional!
    Olha, eu já tinha visto esse livros em vários lugares e nunca me emocionei com ele, mas a sua resenha me convenceu de tudo o que eu precisava saber, esse livro parece fantástico!
    Parabéns pela resenha!
    Beijooos!

    ResponderExcluir
  14. Oi, Ivi

    Então, eu não sou muito ligada em música, então esse não é um livro wue chama minha atenção. Mas não posso negar que acho interessante o fato da narradora ser a própria música, tenho curiosidade de conferir como isso é trabalhado. Mas acho que não lerei não...
    Que bom que esse reencontro foi proveitoso. <3

    ResponderExcluir
  15. Oi, tudo bem?

    Já faz um tempinho que li uma resenha desse livro, nem me lembrava muito bem do que se trata o livro. Agora, depois de ler sua resenha, consegui me lembar... Quero muito lê-lo, a narrativa é bem diferente de tudo o que li até agora e parece ser incrível. Vou colocá-lo na lista do Skoob para não esquecer novamente.

    ResponderExcluir
  16. Olá!
    Eu sempre ouvi falar super bem desse livro, mas ainda não tive a oportunidade de ler. Achei bem interessante que o narrador seja a própria música, isso realmente nos faz entender melhor a relação do protagonista com ela. Achei super legal também ter a Espanha como plano de fundo!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  17. Oiee Ivi ^^
    Quando vi esse livro pela primeira vez e vi que a música teria um papel importante na história, já imaginei que seria uma história linda, envolvente e muito sensível. Ainda não sei o motivo de não tê-lo lido *-* Eu também sou apaixonada pela Espanha, é o país europeu que eu mais tenho vontade de conhecer ♥ Fico muito feliz em saber que o livro te conquistou tanto :)
    MilkMilks ♥
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  18. Olá,

    Logo que lançou esse livro não chamou minha atenção, mas lendo algumas resenhas eu acabei me interessando pelo livro, infelizmente, ainda não surgiu a oportunidade. Adoro livros que falam sobre músicas e lugares que não conheço.

    Beijos,
    oculoselivrosblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oi!
    Eu também amei esse livro, as mensagens que a música trás, os mistérios desse 'ser', a história do protagonista... sinceramente foi um dos mais lindos que li esse ano

    ResponderExcluir

 
♥ Meu Amor Pelos Livros ♥ - Todos os direitos reservados © 2014