31

Viagem #01 - Cartagena - Kelly Silva


Já conversamos aqui sobre livros e filmes e hoje, abrindo uma nova coluna no blog, venho para compartilhar sobre algo que AMO, que é viajar! Mesmo que tenha muito medo de estar em um avião, adoro conhecer lugares, pessoas e culturas diferentes. Essa viagem foi especial por ser em comemoração aos 25 anos de amizade com meu amigo / irmão Edmilson e o destino escolhido foi a Colômbia, mas especificamente Cartagena e San Andrés. Como são estilos diferentes, mencionarei apenas Cartagena agora, San Andrés fica para o próximo relato.

Não há voos diretos, mas é possível chegar a cidade com conexões em Bogotá ou Panamá, dependendo da companhia aérea escolhida. Saímos de São Paulo às 05:25, tínhamos conexão no Panamá e chegamos a Cartagena por volta das 12:30 (horário colombiano, duas horas a menos daqui). A viagem foi bem tranquila, mesmo que as seis horas e vinte entre São Paulo e Panamá tenham sido intermináveis para mim..rs

Ao desembarcarmos, já notamos a diferença de clima: calor absurdo, ao ponto de embaçar os óculos ao sair do táxi (sempre com ar condicionado super forte) para a rua. Detalharei o que fizemos por dia para que nos acompanhem pelos passeios:
               
1º dia: Caminhada pela Cidade Murada: Pode ser considerada a atração principal de Cartagena, declarada como Patrimônio da Humanidade pela Unesco em 1984. Ao caminhar por lá para admirar a estrutura e o charme das casas e construções, é possível perceber também que os carros dividem espaço tranquilamente com charretes e pedestres, o que demonstra o quanto seus habitantes são tranquilos.      


Com temperatura sempre acima dos 30°C, o calor impacta a caminhada, mas pode ser amenizado com uma limonada com coco (essa foi a minha preferida, há outras combinações também) ou alguma fruta vendida em barracas nas ruas: recomendo abacaxi, extremamente doce! Nesse dia notamos também a preferência deles por combinações agridoces em comidas, já que existe até um hambúrguer com queijo e abacaxi (bem estranho, mas experimentamos mesmo assim!)

2º dia: Isla del Rosário: Passeio feito em lancha, aproximadamente 1 hora de viagem. Além do mar lindo, transparente e da vista linda, há também várias atividades, como mergulho com snorkel (bem legal!) ou cilindro, massagem e visita ao Oceanário, que foi o melhor momento da viagem para mim! Além de várias explicações sobre animais marinhos, pudemos ter contato com golfinhos, algo que eu sempre quis fazer, saí de lá feliz e realizada, além de encantada pela atenção dos funcionários conosco.

Esse passeio tinha almoço incluído, comida típica colombiana: peixe assado (delícia), “arroz con coco” (MUITO doce, tinha gosto de quebra queixo, não gostei) e “patacones” (que comemos pensando ser batata e depois descobrimos que era banana, achei esquisito). Não gostei da comida típica e fiquei feliz da vida quando vimos arroz branco ou macarrão para os outros dias.. rs

3º dia: City Tour: A primeira parada foi no Castelo de San Felipe de Barajas. Quando me falaram que possuía rampas de acesso, fiquei mais tranquila pensando que seria acessível, mas me surpreendi ao ver rampas intermináveis, mega inclinadas em que só há corrimão na primeira parte. Vale pela vista, pela parte histórica e explicações do guia, mas foi muito cansativo, um esforço enorme para mim e até para o meu amigo que me ajudou durante o trajeto, mas no fim fiquei orgulhosa de ter conseguido chegar lá!


Passeamos um pouco pela cidade murada (dessa vez com guia) e depois fomos a Igreja San Pedro Claver. Essa igreja não é incluída nos passeios, mas virou opção uma vez que o Convento La Popa não estava aberto naquele dia. Foi interessante, igreja bonita, com várias partes em mármore.


A última parada nos levou a um museu de esmeraldas, já que a Colômbia é conhecida também por essas pedras preciosas. Nos explicaram todo o processo (desde encontrá-las até lapidá-las e vendê-las), sendo que vimos joias de 1.500 a 11.000 dólares à venda por lá.

4º dia: Isla Baru e Por do Sol: De volta a lancha, dessa vez rumo a Isla Baru, especificamente ao hotel Sport Baru. Dia bem tranquilo, vista perfeita, em que ficamos na praia ou simplesmente aproveitando a estrutura do local, que também oferecia caiaques.


Ao voltar da ilha, fomos conferir o por do sol no Café del Mar (localizado na cidade murada). Vale a pena chegar cedo para garantir uma mesa próxima ao muro e o espetáculo é lindo, há apresentação de paraquedistas na água com direito a trilha sonora enquanto observamos o sol. Se o contato com golfinhos foi o momento mais especial para mim, esse foi para o meu amigo, apaixonado pelo sol! J

5º dia: Convento La Popa / Bocagrande: Como o city tour não incluiu o Convento Santa Cruz de La Popa, decidimos ir por conta própria, já que está localizado no ponto mais alto de Cartagena. O acesso é feito de carro, a subida lembra um pouco o caminho para o Cristo Redentor no Rio de Janeiro e a vista é bem bonita. Especificamente para o convento, o taxista nos deixa na entrada, espera 30 minutos para visita e ele próprio nos leva de volta, já que não há acesso para pegar táxi por lá. No primeiro momento, pensei que não poderíamos ver tudo, mas meia hora foi suficiente para apreciarmos a vista, a igreja e um pequeno museu. Passeio interessante, vale pela vista panorâmica da cidade!



Depois compramos lembrancinhas (tem mil opções de lugares na cidade murada) e à tarde fomos a Bocagrande, região moderna de Cartagena, com direito a passeio no shopping e cinema. Assistimos “Corazón Silencioso”, filme dinamarquês que me lembrou “Como eu era antes de você”, mas com uma cena surpreendente e que muda o rumo da história, recomendo! Após o filme, simplesmente atravessamos a rua e fomos a praia, na última tarde em Cartagena.

6º dia: Já de malas prontas para San Andres, de volta a cidade murada, observamos o relógio (ponto mais bonito da cidade murada na nossa opinião, principalmente à noite ao estar iluminado) e tomamos o último sorvete na cidade.



Se a comida não nos agradou muito, os sorvetes eram deliciosos! Várias sorveterias espalhadas por toda a cidade, de todos os estilos. Ficamos clientes assíduos da “Gelateria Paradiso”, uma passadinha lá por dia era fundamental! 

Táxis: Não há taxímetro, o preço é combinado antes da viagem. Essa parte foi bem tranquila, mas claro que sempre haverá alguém querendo levar vantagem (um deles queria cobrar 10 mil pesos em um trajeto que sabíamos que valia entre 7 e 8 mil, quando explicamos que já tínhamos feito o trecho várias vezes, ele riu, cobrou o preço justo e ficou tudo certo).

Moeda: Levei dólares e troquei por pesos colombianos no Bancolombia, em uma agência na cidade murada. A cotação não era tão boa como a das casas de câmbio da cidade, mas achei mais seguro. Tem câmbio no aeroporto também, mas não fizemos por lá.

Considerações finais: Cartagena é maior, mais bonita e mais interessante do que eu imaginava, as pessoas são MUITO solícitas, prestativas e acho que nunca senti tanto calor na vida, não recomendo para quem não curta calor.. rs. Tirando esse detalhe, super recomendo a cidade, aproveitamos, passeamos e nos divertimos demais!

Comentários
31 Comentários

31 comentários:

  1. Adorei o post, especialmente porque amo viajar também. Foi muito bom conhecer o local por meio de suas palavras e fotos. Que bom que conseguiram aproveitar!
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Fer!
      Fico feliz que tenha gostado, aproveitamos muito mesmo! :)
      Beijos!

      Excluir
  2. Oi, Kelly, que postagem maravilhosa, super detalhadinha, parabéns!

    Não sabia que a cidade era patrimônio da humanidade. Achei essas construções mais rústicas bem no estilo medieval! E aquela foto que vc tirou que mostra os prédios ao fundo e as construções mais antigas no primeiro plano ficou linda! O antigo e o moderno!

    Sobre o taxista, tem espertinhos em qualquer lugar, hein?

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Tamires!
      Fico feliz que tenha gostado, o contraste é muito legal mesmo, lindo!
      Pois é, o taxista não esperava que eu o contestasse, foi até engraçado.
      Beijos!

      Excluir
  3. Oie Kelly!
    Amei seu post, pois também amo viajar! No final de semana passado assisti um documentário sobre Catargena e ao ler seu post eu conseguia me lembrar e me localizar na cidade! Fiquei mega curiosa com essa limonada com coco e acho que deve ser muito gostosa e refrescante! Valeu pelas dicas quanto ao câmbio e sobre pesquisar antes o valor para pechinchar com os taxistas! Acho que eu curtiria a culinária local, pois gosto dessa mistura agridoce. Sobre o calor, apesar de não suportar, acho que lidaria bem também, pois quando estamos de férias tudo é festa né?
    Bjinhos ;)
    Elaine M. Escovedo
    Www.caminhandoentrelivros.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Elaine!
      Fico feliz que você tenha gostado e principalmente que tenha conseguido se localizar pelas informações que passei, fica ainda mais interessante.
      Super recomendo a limonada com coco, mas vá preparada para o calor, MUITO forte.
      Beijos!

      Excluir
  4. Olá Kelly,
    Que coluna bacana. Adoro ler sobre viagens. Eu tenho vontade de conhecer o mundo e não tenho medo de avião, como você.
    Achei as fotos incríveis e os lugares visitados me deixaram com muita curiosidade. O fator calor foi uma coisa que senti na própria pele quando fui para Caldas Novas (Goiás), sai de SP com 5 graus e cheguei lá com 40. Imagina, estava toda empacotada e fui tirando a roupa, aliás, todos do avião fizeram a mesma coisa.
    Anotei Cartagena na lista de lugares a conhecer.
    Beijos,
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bruna!
      Fico feliz que tenha gostado, quando você visitar Cartagena, volte para comentarmos, tá:
      Também estávamos com roupas de frio e ficamos desesperados para nos livrar das blusas ao chegarmos lá.. rs
      Beijos!

      Excluir
  5. Oi Kelly, menina, adorei saber sobre a nova coluna e espero acompanhar muitas viagens por aqui. Achei as fotos lindas e deve ter sido uma viagem deliciosa. Com certeza eu vou ficar olho para ver as novidades :) Uma ideia super bacana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Beatriz!
      Fico feliz que tenha gostado, a viagem foi maravilhosa, aproveitamos demais. Logo comentarei sobre San Andrés, o nosso outro destino em terras colombianas.. :)
      Beijos!

      Excluir
  6. Oi Kelly, tudo bem?
    Eu adorei seu post! Eu adoro viajar e já tenho vários destinos que quero conhecer na América do Sul e com certeza Cartagena agora está entre esses destinos. Que lugar maravilhoso! Eu imagino que realmente faça muito calor, mas ainda bem que tem praias maravilhosas e que delícia esses golfinhos. Vou voltar para saber mais sobre San Andres.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Anna!
      Fico feliz que tenha gostado!
      Eu também adoro conhecer destinos na América do Sul (até porque sou apaixonada por cultura e música latina). Ver os golfinhos foi o melhor momento da viagem, fiquei muito encantada. Logo comentarei sobre San Andrés, espero que goste! :)
      Beijos!

      Excluir
  7. Oie, tudo bem?
    Eu sou louco por viagem, mas sou daquelas pessoas que nunca viajou para longe. Meu sonho é ir vizir aqueles países que parece que pararam no tempo, e tamem um lugar que tenha neve! Acho isso tudo muito lindo, adorei as suas fotos e que lugares legais em? Rsrs , senti até uma invejinha, Rsrs. Até mais vê
    Bjks

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Manoel!
      Cartagena dá essa sensação, além do contraste entre a parte moderna com a parte histórica, eu gostei muito. Também tenho muita vontade de conhecer algum lugar que tenha neve, tomara que dê certo!
      Bjs!

      Excluir
  8. Cara, que legal esta viagem. Confesso que não sabia muita coisa por este lugar e o suco de limonada com coco, nossa até eu senti água na boca agora. Mas o calor eu não me importo porque amo e o lugar é lindo demais. Lindo mesmo para tirar milhares de fotos e aproveitar. Legal posts assim cheio de informações para quem quer ser turista e não sabe onde ir e como aproveitar o lugar!

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.blogandolivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Greice!
      Fico feliz que tenha gostado das dicas, super recomendo a limonada com coco, delícia!
      Beijos!

      Excluir
  9. Oiee Kelly ^^
    Que demais! Adorei o post! Eu nunca sai do sudeste (infelizmente), mas tenho muita vontade de conhecer outros países, principalmente quando estes têm ruínas ou castelos, coisas que eu gosto muito ♥ Eu ainda não conhecia Cartagena, mas já entrou para meu roteiro de viagem...haha' Adorei as fotos :)
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Dryh!
      Fico feliz que tenha gostado. Se você gosta de castelos, vai se encantar por Cartagena, recomendo muito!
      Beijos!

      Excluir
  10. Oi!
    Eu amo viajar também, mas tenho poucas oportunidades pra ir, e nunca sai do país.
    Achei lindo os lugares que visitou, sabia que um dos meus sonhos é nadar com um golfinho (ou ver um de pertinho). Acho eles lindos e meigos demais.
    Vou aguardar o outro post com o resto da viagem, com certeza tbm foi incrível

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sabrina!
      Ver golfinhos também era um dos meus sonhos e consegui realizá-lo em Cartagena, foi incrível!
      Eles são lindos, a textura da pele é super macia (não dá agonia como os peixes, por exemplo), fiquei encantada. Espero que você possa ter essa oportunidade também, vale a pena.
      Beijos!

      Excluir
  11. Nossa, nunca pensei em ir a Cartagena... rs... mas estou vendo que tem muita coisa legal por lá! Adoraria essa parte dos golfinhos, mas nada superaria o por do sol para mim. Só achei chata essa coisa de não ter taxímetro, é muito mais honesto colocar, as pessoas podem até enrolar o turista dando volta, mas acho que diminui o problema. Amei as fotos!

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ju!
      Eu também nunca tinha pensado, mas pesquisei e tem MUITA coisa legal por lá, recomendo muito. O por do sol é realmente lindo, vale a pena. Concordo sobre o táximetro, em San Andrés (nosso outro destino em terras colombiana) também não tinha, era tudo com negociação mesmo.
      Beijos!

      Excluir
  12. Que viagem maravilhosa essa!
    Eu também adoro viajar, e mesmo não conhecendo o lugar que você foi, amei as fotos e seu relato, e fiquei curiosa pra conhecer!
    Eu não sei se teria coragem de nadar com golfinhos como você, haha. Acho que, do que você falou, o que mais gostei foi essa da vista dos paraquedistas! Não teve coragem de ir também?

    Virando Amor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carol!
      Nadar com golfinhos era algo que eu queria MUITO fazer, então encarei mesmo com medo.. rs
      Já paraquedas eu não faria nunca, morro de medo de altura.. :P
      Beijos!

      Excluir
  13. Que viagem incrível.
    Muito bom conhecer novos lugares e tudo o que ele nos reserva. Com certeza voltamos modificadas.
    Nadar com os golfinhos deve ser incrível.
    Parabéns e desejo outras ainda mais incríveis.
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  14. Que delícia de viagem, hein! As paisagens são lindas demais. Um dos sonhos da minha vida é poder chegar bem perto de um golfinho. Eu acho golfinhos animais adoráveis. Adorei o seu post, para mim serviu como uma ótima dica de viagem. Estou doida para ler o próximo.

    Tatiana

    ResponderExcluir
  15. Gente que lugar lindo e as fotos que tirou nos deixou com aquele gostinho de querer conhecer também a cidade é de deixar a gente fazer parte desse lugar maravilhoso que visitou e tenho certeza que será inesquecível para você e seu irmão.
    Achei estranho o hambúrguer com abacaxi! Você gostou dessa combinação doida?!
    Bj

    ResponderExcluir
  16. Olá, tudo bom?
    Também amo viajar e isso renova a gente né? Amei conhecer os lugares através de sua lente e palavras viu? Tive uma experiência de nado com golfinhos em minha última viagem e é incrível né? São tão dóceis *-*
    Fiquei encantada com esse por do sol!!

    Beijos!
    @PollyanaCampos
    Entre Livros e Personagens

    ResponderExcluir
  17. Meu sonho é sair do Brasil, queria visitar Paris, Orlando ou Japão, porém nem saio da minha cidade kkkk, queria ir para bienal esse ano mais as verbas estão curtas ashahshsa, as fotos são lindas me deu vontade de viajar <3

    ResponderExcluir
  18. Oi, tudo bem?
    Eu pretendo um dia viajar por vários lugares, então fico bem animada com posts sobre viagens, porque já vou anotando dicas. Esse destino parece ser super interessante, cheio de lugares bacanas e apesar de não curtir o calor, acredito que eu me divertiria muito e até gostaria das comidas estranhas kkkkk

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  19. Oi Kelly, viajar é a melhor coisa que existe né? Adorei o lugar, é bom sair e conhecer novos hábitos, gostei mesmo das paisagens e de tudo o que você fez por lá, só confesso que o calor não me anima muito! Ajajaja mas adorei mesmo assim.

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/?m=1

    ResponderExcluir

 
♥ Meu Amor Pelos Livros ♥ - Todos os direitos reservados © 2014