3

O Presente (Cecelia Ahern)

Ficha Técnica:
Nome Original: The Gift
Autora: Cecelia Ahern
País de Origem: Irlanda
Tradução: Ivar Panazollo Júnior
Número de Páginas: 317
Ano de Lançamento: 2013
ISBN: 978-85-8163-314-5
Editora: Novo Conceito
SKOOB | GOODREADS

Continuando com os livros de Cecelia Ahern e seus títulos curiosos, o escolhido da vez tem a capa muito bonita e é narrado em terceira pessoa. Se A Vez da Minha Vida me fez refletir sobre o novo ano, O Presente se passa no Natal, no momento em que um garoto arremessa um peru congelado contra a janela da casa do seu pai, que tem outra família.
“Lou passara tantos anos movendo-se tão rápido pelos minutos, pelas horas, pelos dias, pelos momentos da vida, que parou de percebê-la”. – página 255
Ele conversa com o sargento Raphael (chamado de Raphie) que decide contar uma história a ele. A história é sobre Lou Suffern, casado e pai de dois filhos, que trai a esposa, não dá atenção à família e é obcecado por trabalho, decepcionando sua família várias vezes por não comparecer aos eventos. É comparado ao coelho de Alice no País das Maravilhas, por estar sempre correndo e querer estar em dois lugares ao mesmo tempo. 

A esposa Ruth é tranquila e compreensiva até demais e a filha Lucy é adorável, pude imaginá-la pedindo que o pai comparecesse à apresentação na escola e o quanto a menina se divertiu ao patinar com a família, assim como visualizei o bebê “Pud” e torci para que não se machucasse em sua tentativa de caminhar sozinho. A irmã Marcia é estressada (com toda razão) e Lou tem problemas com o colega de trabalho Alfred, com quem disputa o mesmo cargo.
“De qualquer maneira, um acontecimento – grande ou pequeno – pode afetar uma série de pessoas. Acontecimentos podem conectar várias pessoas. Como você pode ver, somos todos feitos da mesma matéria”. – página 316
Em uma das manhãs no caminho ao trabalho, Lou conversa com Gabe, um mendigo abrigado próximo ao prédio da empresa. O interessante é que Gabe conhece e analisa as pessoas que trabalham por ali por seus sapatos ou pela forma de caminhar. Lou oferece emprego a Gabe, que se destaca na empresa pela rapidez com que se movimenta.

Gabe oferece um presente que será a solução para os problemas de Lou, com o qual ele surpreende a todos. Reconheço que pensei em como seria se eu recebesse esse “presente” também e como lidaria com a situação. Quando imaginei que já sabia qual seria o final, há uma frase determinante para o futuro de Lou e um capítulo lindo e comovente, no qual a mensagem se encaixa a todos os personagens do livro e ainda mais aos leitores.

O livro trata de saber equilibrar a vida pessoal e profissional, reconhecer, amar e respeitar as pessoas especiais em sua vida, dar atenção, dedicar tempo a elas e concentrar-se no que é importante. Mesmo que haja trechos da história que me fizeram lembrar de "A vez da minha vida" por seguirem a mesma lógica, o livro é criativo, a mensagem super válida a todos e o final surpreendente, jamais imaginaria. Gostei muito, recomendo!
 “O tempo não pode ser dado. Mas pode ser compartilhado”- página 317


Um pouco sobre a autora: Cecelia Ahern é irlandesa e formou-se em Jornalismo e Meios de Comunicação. Aos 21 anos escreveu seu primeiro romance, P.S. Eu te Amo, que se tornou best-seller imediatamente e foi adaptado para o cinema — assim como Simplesmente Acontece. A Lista, O Presente, O Livro do Amanhã e A Vez da Minha Vida também são best-sellers em todo o mundo. Suas obras foram publicadas em 46 países e já venderam, ao todo, mais de 13 milhões de cópias. Ela vive em Dublin com sua família. Alguns de seus livros publicados no Brasil são:

- P.S. Eu te amo
- O Presente
- O Livro do amanhã
- A Vez da minha vida
- A Lista
- Como se apaixonar
- O ano que te conheci
- Simplesmente Acontece
- Imperfeitos
Comentários
3 Comentários

3 comentários:

  1. de todos os livros que ja li da autora e que amo esse é o meu preferido, nesse Cecelia se superou para falar da vida, de forma inspiradora e simplesmente encantadora... a história ficou e ainda fica comigo mesmo depois de tê-la terminado
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Kelly, tudo bem?
    Eu li esse livro ano passado e lembro de ter gostado da forma como a autora criou a história de forma a nos fazer refletir sobre alguns pontos da nossa vida.
    Beijos
    [SORTEIO] Aniversário de 1 Ano: Livro - Perdida
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  3. Kelly!
    Falar que a autora é excepcional é ser repetitiva, gosto de todos os livros dela, mas esse... esse mexe com o nosso coração e nos faz refletir sobre diversas coisas em relação a nossa postura diante da vida.
    “Eu não procuro saber as respostas, procuro compreender as perguntas.” (Confúcio)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de JANEIRO dos nacionais, livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir

 
♥ Meu Amor Pelos Livros ♥ - Todos os direitos reservados © 2014