5

Para Sir Philip, Com Amor (Julia Quinn)

Ficha Técnica:
Título Original: To Sir Philip, With Love
Autora: Julia Quinn
Tradução: Viviane Diniz
País de Origem: Inglaterra
Editora: Arqueiro
Número de Páginas: 276
Ano de Publicação: 2015
ISBN-13: 9788580413625

Oi gente que ama livros, hoje venho com a resenha do 75º livro lido em 2017 e foi Para Sir Philip, Com Amor (Julia Quinn). Seguindo com a série Os Bridgertons, cheguei ao quinto volume com mais uma história de romance ambientada no século XIX.

O livro desta vez nos traz como protagonista a Eloise Bridgerton, a quinta filha da tradicional família londrina e que com 28 anos, já perdeu as esperanças de se casar. Na verdade, Eloise recusou vários pretendentes que lhe fizeram a corte e após a sua melhor amiga casar com seu irmão, ela começou a repensar se havia tomado à decisão certa. Já no volume anterior, vimos que um dos passatempos mais prazerosos dela é trocar cartas, e por causa do falecimento de uma parente distante, ela envia uma carta de pêsames para o viúvo e a partir disso, começa a trocar cartas regularmente com ele.


O viúvo em questão é Sir Philip, um homem que vive no campo e que teve um casamento complicado. Ele e a esposa Marina nunca se amaram de verdade porque ela era a prometida do irmão mais velho de Philip, mas este faleceu na guerra de Waterloo e Marina foi dada em casamento para Philip após esta tragédia. Viveram um casamento sem amor e sem cumplicidade e tiveram um casal de gêmeos, Amanda e Oliver. Porém Marina entrou em uma profunda depressão após o parto e tentou tirar a própria vida anos depois, não conseguindo de imediato, mas falecendo em consequência disso. Philip então se vê com duas crianças em casa, totalmente solitário e em uma das cartas para Eloise, propõe-lhe casamento. Ela, vendo todos ao seu redor amando e sendo amados, decide ir conhecer Philip pessoalmente e quando chega à sua residência, se depara com um homem muito bonito e interessante, mas pai de duas crianças muito arteiras e desrespeitosas e essa será a grande problemática de Eloise.

Achei a construção do romance interessante porque Eloise precisava conquistar não o homem com quem queria se casar, mas os filhos dele e a série de estripulias e desafios que estas crianças desenvolvem é a parte divertida do enredo. Porém o envolvimento do casal me pareceu pouco convincente e não me envolvi com este romance como me envolvi com os outros, nos demais volumes da série.


Um detalhe me incomodou bastante na leitura e foi o próprio nome do mocinho: Philip. No livro três, temos um antagonista chamado Philip, e eu fiquei me questionando porque a autora repetiu o nome para desenvolver outra pessoa totalmente diferente daquele passado. É um detalhe que pode passar sem grandes destaques para a maioria dos leitores, mas me gerou um certo desconforto durante a leitura deste livro.

A parte final também achei cansativa e preciso pontuar que chegando ao quinto volume, sinto que a sensualidade, sempre de bom gosto, passou a ser repetitiva para mim. As mesmas cenas, a mesma empolgação da paixão e o mesmo ápice que aconteceu nos outros livros, vemos aqui, mas porque o casal não me conquistou totalmente, essa química entre eles me pareceu repetitiva.

No geral a história é boa e gostosa de ler. Julia Quinn te prende no livro e cria situações boas para a interação dos envolvidos, mas de longe, é o livro mais fraco da série. Mesmo assim, a curiosidade para ler os próximos, continua bem intensa e não vejo a hora de poder conhecer todas as histórias.

Se você já leu esta série, você concorda comigo sobre este ser um dos livros menos envolventes? Se não, deixe nos comentários seus elogios para com a obra para que eu possa reavaliar as minhas impressões.

Para quem ainda não se aventurou na família Bridgerton, digo apenas que é um caminho sem volta porque as histórias são leves, divertidas e românticas, ou seja, possui todos os elementos do gênero e vale a pena por cada parágrafo lido. Até este livro aqui, inferior aos outros, me trouxe uma boa leitura, e como disse, me faz desejar ler os outros livros também.

Esperava gostar mais, mas, ainda assim, é um bom livro.


Um pouco sobre a autora: Julia Quinn começou a trabalhar em seu primeiro romance um mês depois de terminar a faculdade e nunca mais parou de escrever. Seus livros já atingiram a marca de 8 milhões de exemplares vendidos, sendo 3,5 milhões da série Os Bridgertons. É formada pelas universidades Harvard e Radcliffe. Seus livros já entraram na lista de mais vendidos do The New York Times e foram traduzidos para 26 idiomas. Foi a autora mais jovem a entrar para o Romance WritersofAmerica’s Hall ofFame, a Galeria da Fama dos Escritores Românticos dos Estados Unidos, e atualmente mora com a família no Noroeste Pacífico. Alguns dos seus livros publicados no Brasil são:
  • O Duque e Eu
  • O Visconde Que Me Amava
  • Um Perfeito Cavalheiro
  • Os Segredos de Colin Bridgerton
  • Para Sir Philip, com Amor
  • O Conde Enfeitiçado
  • A Caminho do Altar
  • E Viveram Felizes Para Sempre
  • Uma Noite Como Esta
  • Simplesmente o Paraíso
  • Os Mistérios de Sir Richard
  • A Soma de Todos os Beijos
  • Como Agarrar uma Herdeira
  • Como Se Casar Com Um Marquês
Comentários
5 Comentários

5 comentários:

  1. Oi.
    Eu tenho os primeiros livros dessa série, mas ainda não li. Sempre vejo elogios à autora e estou muito curiosa para conhecer a narrativa dela, mas sempre acabo passando outro livro na frete. Tenho que parar de fazer isso!
    Adorei essa premissa de ela ter que conquistar os filhos dele e realmente é decepcionante quando não achamos o casal tão envolvente.
    Pretendo iniciar a série em breve.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bom?

    Apesar de gostar de romances de época, ainda não li nada da autora. Recebi muitas indicações de seus trabalhos, mas ainda me falta oportunidade.É uma pena que a autora não conseguiu manter a qualidade de sua escrita ao longo da série e que, nesse livro, acaba sendo repetitivo e não convence.
    Também achei estranho essa coisa do nome, penso que é algo que eu notaria e ficaria encafifada do por que se usar o mesmo nome (com tantos diferentes por aí) para falar de dois personagens diferentes. Mas parece que a sua narrativa é algo que prende e sei qu não é um livro que eu abandonaria.

    Enfim, adorei a resenha, obrigada pela indicação :)
    Abraços.

    https://instantesmemoraveis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Troquei cartas por muito tempo e sou apaixonada por essa prática, assim como sou por livros e claro, por romances de época, então o livro é uma ótima pedida.
    Que pena que o romance não te convenceu, como eu não li nenhum livro da série eu não teria parâmetros, sendo assim a dica está anotada.

    Beijos.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi!
    Julia Quinn me persegue por todos os lugares!Preciso comprar esses livros!
    Que pena que não é o livro mais envolvente da série,creio que por focar na conquista das crianças possa não ter agradado o público.
    Espero mais resenhas dessa série.
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. oieee
    confesso que cada resenha que leio das obras da autora só me faz querer começar logo a ler e compartilhar disso, mas ainda não consegui adquirir nenhuma obra, mas com certeza vou anotar isso na minha agenda para dar prioridade, acho que toda série tem alguns pontos baixos né? gostei da sinceridade
    beijos

    ResponderExcluir

 
♥ Meu Amor Pelos Livros ♥ - Todos os direitos reservados © 2014