16

Fangirl (Rainbow Rowell)


Oi gente que ama livros, hoje venho com a resenha do 58º livro lido em 2015 e foi FANGIRL (Rainbow Rowell). Estava bem ansiosa para fazer esta leitura porque era o único livro da autora que eu não tinha lido e como os outros livros foram incríveis para mim, minha ansiedade só aumentava.
“Em situações novas, todas as regras mais complicadas são justamente aquelas que ninguém se dispõe a explicar e justamente as que você não encontrará no Google.” Página 19
O livro nos traz a Cath e a Wren, irmãs gêmeas que tiveram grande parte da infância e toda a adolescência dominada pela febre Simon Snow. Simon Snow foi uma série de livros sobre um menino mágico e, leitores pelo mundo inteiro adoraram suas aventuras que em função do seu sucesso, acabou por se transformar em filmes e assim, todo o seu universo fictício criado pela autora Gemma Leslie ficou imortalizado na vida desta geração.


Cath e Wren eram tão apaixonadas pelos livros e pelas aventuras, que começaram a escrever fanfictions sobre o universo de Simon Snow. As duas que sempre foram muito amigas, ambas se apoiaram quando a mãe foi embora e ajudaram o pai a superar isso, se uniam e passavam muito tempo em frente ao computador criando histórias paralelas. Porém o livro tem inicio quando as duas estão de partida para a faculdade e embora Cath continue escrevendo as fanfictions e ainda seja totalmente apaixonada pelos personagens da saga, Wren já deixou este lazer tem um tempo. Elas vão para a mesma faculdade, porém Wren decide que não quer morar com Cath no alojamento e acredita que as duas precisam se desgrudar um pouco. Cath fica chocada com a atitude da irmã, mas se esforça para encarar a nova realidade.


Cath demora para fazer novos amigos no campus universitário. Até mesmo sua colega de quarto, a Reagan, leva um tempo para entendê-la e o ex namorado dela, o Levi, acaba se aproximando de Cath em função da amizade das duas. Levi tem dislexia e não consegue ler textos longos e Cath passa a ajudá-lo nos estudos enquanto tenta se dedicar as fanfictions e às matérias da faculdade. Já Wren decide que quer ter uma vida louca de festas e bebidas enquanto estuda e não leva mais a sério a obsessão de Cath pelo universo de Simon Snow.

Mais uma vez a Rainbow Rowell nos traz uma premissa original e rica de detalhes. Ela não apenas criou a realidade de Cath e Wren, mas paralelo à isso, conhecemos o mundo de Simon Snow através das histórias que Cath escreve e de fragmentos de capítulos do que seriam os livros originais, inseridos dentro da história e eu me vi apaixonada pelo mundo real da Cath e também pelo mundo fantástico dos seus heróis. Os personagens são muito bem desenvolvidos e você ama cada um deles genuinamente. Até mesmo Wren que traz uma serie de características que comprovam seu egoismo, foi capaz de conquistar minha afeição. A forma madura que a Cath manipula os personagens em suas fanfictions é lindo e talvez este tenha sido o ponto alto da leitura para mim.

O livro se desenvolve enquanto Cath tenta manter sua regularidade com as fanfictions e sua vida acadêmica sadia e ela tem muitos altos e baixos no decorrer disso, porque ela descobre que apesar de ser capaz de produzir histórias maravilhosas a partir do mundo do Simon Snow, ela não consegue criar nada que não se pareça com isso e se sente diminuída. Durante muito tempo ela acreditou que seria uma escritora de sucesso, mas começa a duvidar disso quando percebe que não é capaz de criar personagens ou cenários que nasçam exclusivamente de sua criatividade. E durante isso, problemas familiares vão acontecendo, um romance pra lá de fofo surge e mais uma vez, a autora nos traz uma mensagem consistente sobre amizade, superação, amor e família.

Eu adorei a originalidade do tema. Trazer personagens neste universo de faculdade é algo bem comum nos livros de hoje, porem a Rainbow Rowell trouxe uma temática diferente, bem alicerçada e muito instigante. As fanfictions de Cath são lidas no mundo todo, algumas pessoas declaram que ela escreve ainda melhor que a autora original de Simon Snow, mas ainda assim, ela se sente totalmente insegura para criar um trabalho próprio.

Eu gostei demais do livro. Me envolvi na trama, pensei nos personagens enquanto não estava lendo e quando o livro termina em uma cena cheia de carinho e cumplicidade, meu coração estufou de satisfação por mais uma excelente leitura.


É impossível não associar Simon Snow com Harry Potter, mas sem comparações. A autora trata respeitosamente este universo de pessoas que se dedicam à uma paixão platônica com afinco e faz uma ponte muito madura com a realidade deles. Mais que isso, sua narrativa despretensiosa e fluida, mais uma vez nos conduz a acreditar que a leitura é um caminho incrível, abrangente, forte e irrecusável.
“Como assim você não gosta de internet? É igual como você dissesse que não gosta de coisas convenientes, fáceis. É como se você não gostasse de ter acesso a todas as descobertas registradas pela humanidade na ponta dos dedos. É como não gostar da luz ou do saber” página 145
Super recomendo o livro para quem gosta de uma premissa que envolva as características dos livros jovem/adulto com uma boa enfase na amizade e nos medos do futuro. O livro fala sobre a relação de irmãs, sobre a família, sobre o primeiro amor e sobre como tudo isso é fundamental para a formação de um ser humano consciente de suas capacidades.

Mais uma vez, os fãs da Raibow Rowell lotaram a internet com ilustrações sobre este livro e eu tratei de decorar a resenha com as gravuras que eu mais gostei. espero que gostem também.

Enfim, amei, amei e amei.


Um pouco sobre a autora: Rainbow Rowell é uma escritora americana que gosta de escrever sobre pessoas, adolescentes e adultos, mas sobretudo, seus personagens são caracterizados por fazerem tudo errado. Seus livros publicados no Brasil são:
Eleanor & Park
Fangirl
Anexos
Ligações

Comentários
16 Comentários

16 comentários:

  1. Esse foi o primeiro livro da Rainbow que li e amei!
    Me identifiquei muito com a Cath (menos a parte sobre irmã gêmea)
    Adorei as ilustrações. Dão uma cara a mais para os personagens.
    Recentemente também fiz a resenha desse livro :)
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  2. Esse é meu livro desejado da autora.
    Amei Eleanor & Park e mais ainda Anexos que vem meu coração fica cheio de amor e ternura pela autora.

    Vou lê-lo em breve.

    Beijos

    http://poesiaqueencantavida.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Ótima resenha! Depois de ler Eleanor & Park fiquei com vontade de conhecer outros livros da autora, e preciso começar por esse. Gostei de saber que apesar do tema não ser algo diferente, a autora conseguiu tornar a obra em algo singular. Acho que vou adorar o tema e vai super combinar com algo que tô passando no momento, que é o medo do que o futuro me aguarda!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  4. Olá Ivi!!!
    Admito que eu não conhecia a autora e acabei conhecendo hoje. Adorei saber que as personagens desse livro escrevem fanfics, afinal vivemos no mundo em que fics existem :3
    A capa é super fofa e já chama atenção.
    Vai entrar na minha lista infinita de livros para ler rsrsrs
    Até uma próxima o/

    lereliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Ivi, eu li apenas Eleanor e Park da autora e me apaixonei profundamente pela obra, eu tenho Fangirl aqui e só não peguei por falta de tempo mesmo, porque depois da sua resenha minha vontade de ler ele aumentou ainda mais, meus parabéns!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  6. Olá

    Essa é mais uma autora,que só conheço de ouvir falar, nunca li nada dela, apesar de já tem visto críticas positivas,vi negativas também.Enquanto lia sua resenha a parte que mais me chamou a atenção foi a parte das fanfics,não lembro de ter lido um livro em que elas fossem citadas, achei uma ótima proposta da autora pra meio que fugir do convencional,porque quando você falar de escolas,faculdades é até um pouco difícil trazer uma coisa diferente,mas pela resenha parece que ela conseguiu, definitivamente quero muito ler esse livro.

    Bjss

    ResponderExcluir
  7. Oie, tudo bem?
    Eu nunca li o livro e nem nada da autora, mas o livro está na minha lista de desejados, por ser um livro muito elogiado, ter uma premissa muito bem elaborada, divertida e original (como vc mesma disse). Acho que vou me divertir muito com os personagens e vou devorar as páginas hehehhe.
    Ah é muito bom quando ficamos pensando nos personagens quando não estamos lendo o livro, pois isso realmente significa que os personagens são envolventes e a estória é bem escrita.

    ResponderExcluir
  8. Amiga até então eu só li o livro Eleanor e Park da Autora e sinceramente tenho que confessar que amei a sua escrita leve e fluida, mas o que me decepcionou mesmo foi o desfecho sabe? Eu achei que teria mais coisas em relação aos personagens, mas mesmo assim eu ainda não li os outros livros e tenho medo até de me decepcionar por conta disso sabia? Mas eu vou ler sim, espero poder gostar, porque pela maneira que tu falou do livro me parece ser realmente muito bom. Eu tenho todos da autora na estante e estou querendo ver se faço maratona de alguns dos livros de autores assim que tenho todos os livros. Já tá na hora de dar uma esvaziada na estante rs

    Enfim...Adorei a sua resenha e também pela maneira como tu abordou o seu ponto de vista, porque sinceramente me convenceu.

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2016/03/resenhas-o-mundo-dos-vampiros.html

    ResponderExcluir
  9. Oi, que bacana. Fiquei super curiosa pra saber mais da série de livros Simon Snow, Hehe super legais essas fanfics. Muito bom quando nós encontramos personagens que são envolventes, sou doida pra ler Eleanor & Park, e sabendo que é uma ótima autora, já quero esse também. Adorei!

    Beijos
    Www.apaixonadaporleiturass.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Olá!!

    Eu ainda não senti vontade de conhecer as obras da autora, por mais que muito gostem dela! Acho que os temos não são exatamente o que gosto de ler. Confesso que tb achei original a trama, escrever sobre o que muito acontece na vida real. A história deve ter muita veracidade, parece ótima! Preciso me dar a oportunidade de conhecer!

    Bjus
    Blog Fundo Falso

    ResponderExcluir
  11. Oii, tudo bem?
    Eu nunca tive a oportunidade de ler nada da Rainbow, mas sempre li criticas maravilhosas a respeito de todos os livros dela. Eu tenho muita vontade de ler Eleonor e Park e depois de ler a sua resenha, o Fangril também entrou na lista. Estou ansiosa para poder conhecer mais das fics que a Cath cria.

    ResponderExcluir
  12. Esse é aquele livro que quanto mais leio sobre ele, menos animada eu fico. Sei lá, nenhum ponto consegue me motivar sabe? Por mais empolgadas que sejam as resenhas ou mais reservadas que as encontre, nada que me foi apresentada me deixou com aquela curiosidade gostosa de lê-lo.

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
  13. Olá! Achei fofo esse livro e preciso ler! E parabéns pela sua resenha. Também associei com HP e achei legal a trama com as irmãs, cada um seguiu seu caminho e fiquei pensando o que ia acontecer com cada uma delas...Bem legal mesmo! Beijos!
    http://livrosepergaminhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Olá... Ivi, tudo bem???
    Só tive vontade de ler um livro desta autora e no fim acabei não lendo rs... geralmente esses livros não fazem parte do que costumo ler e as vezes fujo de minha zona de conforto pegando algum... mas que bom que curtiu a leitura do livro e que se encantou com a história isso é mais importante... Xero!!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Até agora só li Eleanor & Park da autora, mas pretendo ler esse em breve, além de gostar da escrita, de amar a capa desse livro, ainda tem o fato dela estruturar a história de forma completamente envolvente.
    Espero me envolver com um romance completamente fofo e temas bem desenvolvidos.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
  16. Oie! Eu me sinto mal por nunca ter lido nada da autora, mas esse foi um dos primeiros livros que conheci dela e me apaixonei. Tenho certeza de que o enredo me encantaria demais por conta de todos os assuntos que aborda. Acho que eu me identificaria demais com a protagonista, porque já estive em uma fase na qual me senti do mesmo modo que ela. Há um tempo atrás escrevi fanfics e cerca de um ano depois resolvi criar uma história original. Me senti completamente inútil por não conseguir criar meus próprios personagens, mas persisti na ideia e hoje já tenho algumas páginas escritas <3 Eu amei sua resenha, de coração, e tentarei ler o mais breve possível para me aprofundar na história desses personagens *-*

    Beijos,
    Fernanda F. Goulart,
    Império Imaginário.

    ResponderExcluir

 
♥ Meu Amor Pelos Livros ♥ - Todos os direitos reservados © 2014