2

Tem Alguém Aí? (Marian Keyes)


Oi gente que ama livros, hoje venho com a resenha do 40º livro lido em 2015 e foi TEM ALGUÉM AÍ? (Marian Keyes). Este foi o último livro escolhido para a minha Maratona de Releituras e eu acho que eu não poderia ter feito escolha melhor. A primeira vez que eu li este livro foi em 2010 e sempre que pensava nele era tentada a concluir que ele é o melhor livro da Marian. Agora, anos depois, ainda tenho a mesma sensação.

O livro é o quarto volume da série Irmãs Walsh e desta vez a protagonista é a Anna, a 4ª filha da família louca e muito divertida. Antes deste livro, vimos a Anna poucas vezes nos volumes anteriores da série. Ela aparecia como uma lunática, meio hippie e com estilo alternativo de vida, mas agora encontramos Anna na casa dos trinta anos, vivendo em Nova York, com um trabalho que as irmãs e a mãe invejam porque ela representa uma marca famosa de cosméticos e tem acesso à muitas amostras gratis.

Porém o livro começa com alguns mistérios: Anna está se recuperando de uma série de ferimentos graves. Ela teve o braço quebrado e a rótula do joelho deslocada, além de um ferimento grave no rosto e chegou até a perder algumas unhas. Nada se fala no começo da narrativa como é que ela ficou neste estado, apenas que está se recuperando na casa da mãe e não consegue ter notícias do marido Aidan que está sem responder seus inúmeros telefonemas e e-mails. Anna decide voltar para Nova York e retomar sua vida e ao longo dos capítulos, vamos tentando encaixar uma serie pistas que ela nos dá enquanto descreve sua vida atual mesclando com o passado e nos dando informações de como conheceu, se apaixonou e se casou com Aidan.

O tema central do livro é melancólico e seria o recheio certo para um livro dramático, mas não se tratando desta autora. Marian Keyes constrói uma protagonista com um senso de humor delicioso, rodeada por personagens muito divertidos, vivendo um momento triste da vida, em busca de respostas concretas para a sua dor e ainda assim, o livro não é o que chamaríamos de dramático.

Mais uma vez a mamãe Walsh e a Helen, a irmã mais nova de Anna, roubam a cena. Mesmo as duas estando na Irlanda, conseguem dar o texto o toque de humor que caracteriza a escrita da autora. Enquanto Anna tenta se reerguer, Helen e mamãe Walsh lotam sua caixa de e-mails com histórias hilárias.

Eu amei reler esta história e me reencontrar com a Anna e com sua busca. Dei várias gargalhadas ao longo da leitura e claro, me emocionei profundamente com o estado vulnerável no qual ela se encontra. A Anna é uma versátil mulher moderna. É independente, bonita e tem uma vida bem legal, mas duvido que qualquer mulher trocaria de lugar com ela se pudesse, porque sua dor, apesar de muitos parágrafos divertidos, é tão  bem descrita no livro que eu senti meu coração apertar desolado.

Para quem gosta de chicklit, é um livro completo: romance e diversão em todos os capítulos. Para quem gosta de drama, vai encontrar uma boa dose. Mas eu recomendo também para quem gosta de uma escrita ágil, inteligente e contemporânea, porque neste aspecto, a Marian supera todos.


Marian Keyes é uma das minhas autoras favoritas da vida e amo todos os livros dela, então, sou suspeita ao falar deste livro porque acima de tudo é um dos meus queridinhos de todos os que ela já publicou no Brasil, mas realmente o livro é um dos melhores dentro do gênero.

Super recomendo!
"É claro que eu e Aidan transávamos muito, ou pelo menos, em uma frequência normal, seja lá qual for esse número. É difícil analisar com precisão dados desse tipo, porque a maioria das pessoas é tão neurótica de achar que todo mundo transa de manhã, de tarde e de noite que mente descaradamente a respeito do assunto, inflacionando os números. Obviamente, as pessoas que ouvem esses relatos também sentem necessidade de mentir, então fica muito difícil descobrir o número exato." página 430

Considerações sobre a série:


Livro 1: MELANCIA
Livro 2: FÉRIAS
Livro 3: LOS ANGELES
Livro 4: TEM ALGUÉM AÍ?
Livro 5: CHÁ DE SUMIÇO
Livro 6: MAMÃE WALSH

A série é formada por estes 6 livros e cada um dos 5 primeiros, conta a história de uma das filhas da mamãe Walsh, sendo o último livro contado pela própria mamãe Walsh, uma mulher irlandesa que em um único parágrafo onde é descrita, independente das características que serão contadas, já arranca risadas escandalosas dos leitores. Mamãe Walsh teve 5 filhas: Claire é a protagonista do livro MELANCIA; Rachel é a protagonista do livro FÉRIAS; Margaret é a protagonista do livro LOS ANGELES; Anna é a protagonista do livro TEM ALGUÉM AÍ? E finalmente a Helen é a protagonista do livro CHÁ DE SUMIÇO.

Todos os livros são independentes e as outras irmãs são apenas mencionadas na história, salvo a Helen que em todos os livros é uma coadjuvante marcante. Cada livro traz uma premissa muito diferente uma da outra, com abordagens sérias, tratadas com leveza e bom humor, mostrando personagens que se enrolam com suas escolhas, que aprendem com os próprios erros, que amam e odeiam com a mesma força e que só desejam ser felizes. Sou fã da autora e indico sempre seus livros e, se você gosta de histórias bem desenvolvidas, originais e com direito a piadas inteligentes, pode ter certeza que você irá gostar.


Um pouco sobre a autora: Marian Keyes é uma escritora irlandesa. Nasceu em Limerick, em 10 de setembro de 1963. Ela já vendeu mais de 22 milhões de exemplares no mundo todo e foram traduzidos para 32 idiomas. Os livros dela que foram publicados no Brasil são:
Melancia (2003)
Férias! (2004)
Sushi (2004)
Casório?! (2005)
É Agora... ou Nunca (2006)
Los Angeles (2007)
Um Best Seller pra Chamar de Meu (2008)
Tem Alguém Aí? (2009)
Cheio de Charme (2010)
A Estrela Mais Brilhante do Céu (2011)
Chá de Sumiço (2012)
Mamãe Walsh (2014)

Comentários
2 Comentários

2 comentários:

  1. Que legal saber que outras pessoas também são apaixonadas pela Marian keyes, eu amo ela há muitos anos já e também sou viciada em seus livros, estou no aguardo agora de "a mulher quem roubou a minha vida" e quero logo ter meu queridinho rs
    Não tenho como falar qual é o meu livro preferido delas, todos me encantam da mesma forma, mas não sei porque o livro "férias" é o que sempre vem em primeira imagem na mente quando penso na Marian.
    enfim, ela é demais....
    beijos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também adoro Férias e apesar do tema forte e tal, lembro que dei boas risadas!!!! hahahahahha Sou muito fã da Marian!!!! bjs

      Excluir

 
♥ Meu Amor Pelos Livros ♥ - Todos os direitos reservados © 2014