0

Apenas Um Dia (Gayle Forman)


Oi gente que ama livros, hoje venho com a resenha do 12º livro lido em 2015 e foi APENAS UM DIA da Gayle Fornam. Depois da ótima experiência com a escrita da autora nos dois livros que ela publicou no Brasil, parti para esta leitura muito animada.

O livro vai nos trazer a Allyson, uma jovem que acabou de terminar o Ensino Médio e ganhou dos pais uma viagem pela Europa. Ela e sua melhor amiga, a Mellanie e mais um grupo de adolescentes partem em uma viagem que passará pelos pontos principais do velho continente.

Allyson é uma garota extremamente certinha. Sempre foi uma ótima aluna, muito obediente aos seus pais e nunca ousou ir além daquilo que todos esperavam dela. Organizada, sistemática e previsível. Porém já no fim da viagem, quando o grupo está na Inglaterra, Allyson conhece Willem. Ele é holandês e é um ator de teatro de um grupo itinerante que se apresentava de forma alternativa. Ele convida a Allyson para passar um dia em Paris com ele e ao contrário do que todos esperavam, ela segue com ele para a França.

Allyson e Willem passam 24 horas juntos. Ele já conhece a cidade e a guia pelos lugares em que ele acredita que ela precisa conhecer. Durante este dia, a intensidade da relação entre os dois é descrita de forma maravilhosa pela autora. Ela aborda família, amizade, paixão e futuro de maneira quase poética e suas palavras seduzem você do começo ao fim enquanto pincela sobre uma das cidades mais românticas e turísticas do universo. 

Allyson e Willem acabam se separando em Paris de um jeito péssimo e a aventura chega ao fim desastrosamente. Allyson retorna aos Estados Unidos para iniciar a faculdade nos próximos meses e seguir com a sua vida, mas nada mais é como antes. Ela ficou "manchada" com a experiência que pode viver com Willem e tem a certeza absoluta que nunca mais será a velha e boa Allyson de sempre.

Eu gostei demais da leitura, embora o livro não tenha me mantido empolgada o tempo todo. As primeiras 100 páginas eu devorei sem perceber, completamente maravilhada com as descrições fascinantes de Paris. A autora conseguiu falar de lugares, descrever sensações e até determinados aromas eu consegui captar com suas palavras tamanha foi a sensibilidade que usou com as palavras. Mas depois que a aventura em Paris se encerra, eu senti a leitura ficar um pouco truncada. Mas as ultimas páginas conseguiram me envolver novamente e quando o livro terminou, eu estava devastada.

Adoro o jeito que a autora fala da vida, do amor e da importância das pessoas. Amo as analogias que ela usa e me identifico muito o jogo de palavras que ela consegue construir para falar de coisas comuns a qualquer pessoa e com certeza é uma autora que eu vou querer ler sempre, porém confesso que apesar de ter adorado este livro especificamente, fiquei bem decepcionada com o final. Não com o final da história em si, acontece que o livro é o primeiro de uma série e ele termina sem terminar, ou seja, o fim da história eu só vou conhecer no próximo livro e isso me irritou demais.

Salvo este enorme detalhe, eu repito que eu gostei bastante. A protagonista é chata do começo ao fim, mas ainda assim eu gostei dela porque apesar da chatice dela, ela é convincente, ela tem motivos para ser como é e isso deu muita consistência ao personagem. O Willem é completamente apaixonante e a partir disso você entende a Allyson porque é impossível esquecer alguém como ele e qualquer mocinha após passar um dia com um Willem iria querer mais e mais e temos a Mellanie, a amiga que as vezes é egoísta e malvada, mas uma personagem tão bem desenvolvida que é complicado não adorar também.

O livro ainda traz uma aula sobre Shakespeare. Então se você não conhece a obra do dramaturgo inglês e pretende ainda ler suas peças, saiba que o livro contem spoilers monstruosos. Isso me incomodou um pouco, ainda que eu já conhecesse as peças citadas, fiquei pensando em quem ainda pretende ler e com a ajuda deste livro, já vai conhecer o final.

Enfim, estou me consumindo de ansiedade para ler a sequência. Com certeza, o livro que dá continuidade a esta história é um dos meus mais desejados no momento.

Recomendo a leitura para quem gosta de romance e sobretudo, para quem gosta de roteiros que se passem em viagens, que tragam descrições de lugares, de culturas e de pessoas diferentes. Também recomendo para quem gosta de uma boa escrita, leve e simples, mas viciante.

Eu gostei muito!
"E se Romeu tivesse parado por um segundo e chamado um médico, ou esperado Julieta acordar? Se ele não tivesse tirado conclusões apressadas e se envenenado achando que ela estivesse morta, quando estava apenas dormindo?" Página 191
 "Você é o tipo de pessoa que acha dinheiro no chão, balança a nota no ar e pergunta se alguém perdeu. Você chora nos filmes que nem são tristes simplesmente porque é capaz de sentir. Você faz coisas que te assustam e por isso é ainda mais corajosa que aqueles malucos por adrenalina que saltam de bungee-jump." página 75 


Um pouco sobre a autora: Gayle Forman nasceu nos Estados Unidos e lá se formou em jornalismo. Escreveu muitos artigos para várias revistas e seu primeiro livro foi publicado em 2007. No Brasil, seus livros publicados são:
PARA ONDE ELA FOI
APENAS UM DIA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
♥ Meu Amor Pelos Livros ♥ - Todos os direitos reservados © 2014