12

MAMÃE WALSH (Marian Keyes)


Oi gente que ama livros, hoje venho com a resenha do 56º livro lido em 2014 e foi MAMÃE WALSH (Marian Keyes). Não é segredo que a Marian Keyes é uma das minhas autoras favoritas e este livro era o lançamento mais aguardado do ano pra mim.
"Dizem que os esquimós tem cem palavras para se referirem à neve, mas os irlandeses devem ter, umas cento e cinquenta palavras e expressões para decrever alguém em estado de embriaguez." página 23
O livro nos traz a mamãe Walsh, Mary, nos falando um pouco sobre a sua louca família e para nos contar esta história ela desenvolve um dicionário e, da letra A até a letra Z, ela fala sobre coisas que com certeza, só a família Walsh conhece.

O livro não conta uma história, mas pequenas historinhas que a autora criou para justificar as palavras estranhas e termos singulares que a família walsh usa e poucas pessoas conhecem ou entendem. 

A personagem da mamãe Walsh ganhou o seu próprio livro após nos divertir bastante na série  As Irmãs Walsh. Ela é a mãe das personagens mais loucas, apaixonadas, hilárias, desajustadas emocionalmente falando dos romances contemporâneos e através deste livro, temos acesso a pequenos detalhes sobre o que a mamãe Walsh pensa de si mesma e das próprias filhas.

Como era de se esperar, o livro é pura diversão. Mas diversão mesmo! A maneira como a protagonista - mamãe Walsh iria a loucura de felicidade se lesse que eu a chamei de protagonista - nos fala da sua família, amigos, filhas, genros e netos é de rolar de rir. Só de lembrar de alguns casos, enquanto escrevo esta resenha, caio na risada porque realmente eu me diverti o livro inteiro e apesar do livro ter apenas 159 páginas, o livro é intensamente bom.

Acredito que a escritora teve a intenção de prestar uma homenagem à mulher que em seus outros livros de sucesso, dava o tom certo para a comédia que era a vida das protagonistas em questão. Mais que isso, acho que a autora deve ter recebido muitos pedidos para que a saga das Irmãs Walsh não simplesmente terminasse sem a mamãe Walsh dar o seu ponto de vista ao público.

Apesar de ter adorado a leitura e ter me divertido muito enquanto eu lia, eu ainda acho que a mamãe Walsh merecia uma trama para ela, mais que falar da família, ela merecia ter a sua história escrita mas particularmente eu acho isso bem difícil de acontecer.

Não é um livro para todo mundo, até porque Marian Keyes não é uma escritora que agrada todo mundo. Na verdade ela faz mais o estilo do "me ame, ou me odeie", porém se você acompanhou a série das irmãs Walsh, tem quase a obrigação de ler este livro. E se você começou a série e ainda não leu os cinco volumes, recomendo a ler este livro apenas quando concluir a série, até porque ele possui alguns spoilers dos outros livros, nada muito direto, mas sim, conta por cima como estão as irmãs Walsh e sendo assim, você já saberia como termina determinados livros.

Para mim, foi uma leitura que chegou no momento certo. depois de ler alguns livros dramáticos e tensos, esse livro foi como uma caneca de bebida quante em uma noite fria de inverno e se você gosta de ChickLit e aprecia uma leitura para entretenimento e diversão, a série toda atende bem a este apelo.
Enfim, eu adorei!!!
"Não sou dada a pensar demais nas coisas que acontecem porque, até onde consigo enxergar, as pessoas que refletem demais e até filosofam sobre a vida, são as que mais sofrem à nossa volta." página 66
Considerações sobre a série:

Livro 1: MELANCIA
Livro 2: FÉRIAS
Livro 3: LOS ANGELES
Livro 4: TEM ALGUÉM AÍ?
Livro 5: CHÁ DE SUMIÇO
Livro 6: MAMÃE WALSH

A série é formada por estes 6 livros e cada um dos 5 primeiros, conta a história de uma das filhas da mamãe Walsh, sendo o último livro contado pela própria mamãe Walsh, uma mulher irlandesa que em um único parágrafo onde é descrita, independente das características que serão contadas, já arranca risadas escandalosas dos leitores. Mamãe Walsh teve 5 filhas: Claire é a protagonista do livro MELANCIA; Rachel é a protagonista do livro FÉRIAS; Margaret é a protagonista do livro LOS ANGELES; Anna é a protagonista do livro TEM ALGUÉM AÍ? E finalmente a Helen é a protagonista do livro CHÁ DE SUMIÇO.
Todos os livros são independentes e as outras irmãs são apenas mencionadas na história, salvo a Helen que em todos os livros é uma coadjuvante marcante. Cada livro traz uma premissa muito diferente uma da outra, com abordagens sérias, tratadas com leveza e bom humor, mostrando personagens que se enrolam com suas escolhas, que aprendem com os próprios erros, que amam e odeiam com a mesma força e que só desejam ser felizes. Sou fã da autora e indico sempre seus livros e, se você gosta de histórias bem desenvolvidas, originais e com direito a piadas inteligentes, pode ter certeza que você irá gostar.




Um pouco sobre a autora: Marian Keyes é uma escritora irlandesa. Nasceu em Limerick, em 10 de setembro de 1963. Ela já vendeu mais de 22 milhões de exemplares no mundo todo e foram traduzidos para 32 idiomas. Os livros dela que foram publicados no Brasil são:
Comentários
12 Comentários

12 comentários:

  1. Oie,
    confesso que não gostei muito dos livros da autora, mas vou dar uma chance a este.
    Dica anotada.

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenta Vanessa, você pode se surpreender!!! bj

      Excluir
  2. Há tempos esperava um livro da Mamãe, que agora sei que se chama Mary! Estou louca para ler, acho que irei me divertir muito.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho certeza que você se divertirá!!!! bj

      Excluir
  3. Gosto muito dessa série, curto muito ChickLit, já li os trés primeiros livros e achei ótimos, histórias super divertidas, estou doida pra ler esse e os outros dois.

    ResponderExcluir
  4. Assim que tiver oportunidade, não pense duas vezes: LEIA!!! bj

    ResponderExcluir
  5. Fiquei tão feliz com esse lançamento maravilhoso e não vejo a hora de ler. Marian tem meu respeito desde sempre e a adoro como se a conhecesse, os livros dela são lindos e extraordinários, assim como sua história própria.
    Espero ler em breve e amar como todos os outros que li dela.
    Ótima dica e resenha

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/2014/11/resenha-reiniciados-teri-terry.html

    ResponderExcluir
  6. Oiee.
    Falou em série acabou me afastando, fiz uma "promessa" de que não vou começar mais nenhuma antes de terminar/atualizar as que já comecei.
    Também tem o fato de que não sou muito fã da autora, então é melhor deixar quieto.
    Bjokas!

    ResponderExcluir
  7. Nunca li nada da Marian Keyes, e pelo que li continuarei assim. Não sei... Não consigo ler livros desse gênero, eles não conseguem chamar minha atenção e quando conseguem pela capa ou algo do tipo, a leitura não me prende... Resumindo, eu não consigo gosta de livros nesse estilo. Espero mudar minhas concepções um dia e dar uma chance a autora.

    ResponderExcluir
  8. Marian Keyes é fantástica, li todos os livros dela, inclusive este. Super recomendo, principalmente para pessoas que não gostam de leituras longas ( os livros dela, geralmente são 700 ou 800 páginas). Já o mamãe Walsh, é bem enxuto.

    ResponderExcluir

 
♥ Meu Amor Pelos Livros ♥ - Todos os direitos reservados © 2014