6

TORMENTO (John Boyne)




Oi gente que ama livros, hoje venho com a resenha do 14º livro lido em 2014 e foi TORMENTO (John Boyne). Ler dois livros do John Boyne em sequência foi quase uma overdose de originalidade, boa narrativa e desfechos inteligentes e eu digo quase, porque nós como leitores nunca nos esgotaremos disso.

TORMENTO é um livro infanto-juvenil, outra linha de sucesso do Boyne e nesta história, conhecemos o Danny, um garoto que está gozando as férias de verão, é o filho mais novo de um casal tradicional e tem um irmão que está na faculdade. Tudo na vida do Danny é tranquilo, até o dia em que a mãe atropela um garotinho e fica devastada pelo sentimento de culpa. Na sequência desta tragédia, Danny conhece a Sara, uma menina que se aproxima de Danny e que é a irmã mais velha do garotinho atropelado e ambos conhecem um pouco um da vida do outro.

O livro possui uma história simples e enxuta, mas ainda assim, intensa. Não existe uma descrição minuciosa dos lugares, das pessoas ou das situações, porém de uma forma sutil mas direta, os sentimentos e impressões são muito bem traduzidos para o papel e os personagens são muito bem construídos. Com poucas palavras é fácil conhecer cada integrante deste enredo.

O livro fala sobre família e sobre os vínculos que construímos dentro desta célula da sociedade, do quanto estes laços podem ser frágeis e de como as crianças assimilam esta realidade. Apesar do mote central do livro ser sério e tenso, o livro é escrito sob a perspectiva de um garoto e isso torna a leitura fluida e rápida. 

Eu adorei o livro e por ser um livro curto, 80 páginas, confesso que fiquei economizando as páginas finais, já sentindo saudade dos personagens.


Recomendo a leitura para todo tipo de leitor. Uma leitura que vai agregar, emocionar e talvez incomodar. Um livro bonito, rápido e bem escrito, aquele tipo de leitura que sempre acrescenta e nos faz ficar satisfeitos da escolha. Acredito que estas são características bem comuns dos livros do Boyne, livros bons do começo ao fim. 

Enfim, se tiverem a oportunidade, não pensem duas vezes e se joguem sem medo nesta leitura!

A única coisa que eu não gostei no livro foi a capa. Sim, novamente outra capa nos fazendo lembrar do sucesso O MENINO DO PIJAMA LISTRADO. Não gostei, mas o que é a capa, perto do conteúdo maravilhoso desta obra? 
"Prove um pouco disso e me diga se está bom de sal. Mas lembre-se: quando se trata de sal, sempre dá pra colocar mais, mas uma vez que colocamos, não dá pra tirar. É o contrário de cortar o cabelo. Cabelo sempre dá pra tirar mais, mas depois não dá pra devolver." página 22

Um pouco sobre o autor: John Boyne nasceu na Irlanda em 30 de abril de 1971. Seus livros publicados no Brasil são:


Comentários
6 Comentários

6 comentários:

  1. John Boyne, não sei pq não me espanto da sua resenha ser favorável... Sei como é isso pq fã, que é fã mesmo, fala bem até do pior livro do autor... kkkkkkkkkkk.... Eu tenho vontade de ler O Pacifista e O Menino do Pijama Listrado, mas não tive oportunidade ainda... esse eu provavelmente não vá ler esse, por ser infato-juvenil... rsrs

    ResponderExcluir
  2. Realmente a capa lembra muito o menino do pijama listrado...
    Eu pensei q teria mais paginas pelo enredo q vc descreve na resenha, sempre me encanto com livros de pocas paginas q me deixam entusiamada ao ler...
    Pelo oque entendi é meio um drama certo? Com um poco de assuntos familiares.. nao lia muito o genero, mas depois do primeiro contato eu me identifiquei e nao fico na duvida na hora de comprar...
    Adorei a resenha... bjs

    Nik

    ResponderExcluir
  3. Os livros onde na familia perfeita ou algo do tipo que acontece uma tragédia eu sempre acho interessante porque podemos como um fato pode mudar todo o percurso....
    Sao poucas paginas para acontecer tanta coisa... mas ja me surpreendi com livros de 78 pag q desenvolvem uma narrativa incrivel.. ><

    ResponderExcluir
  4. Ele consegui contar tanta coisa importante com poucas páginas é uma coisa que eu com certeza vou querer ver.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  5. Mais um do John Boyne pra deixar qualquer um morto de vontade de ler! Quanto mais eu vejo falarem desse autor, mais convencida eu fico de que preciso ler um livro dele o quanto antes :D
    Com Tormento, já são três, espero lê-los o quanto antes.

    ResponderExcluir
  6. Como já falei, as obras dele me interessa.
    São sempre bem construídas e possuem um enredo incrível. Como não desejar?
    Com este não é diferente.... ele tem talento e quero conferir essa escrita. =)

    ResponderExcluir

 
♥ Meu Amor Pelos Livros ♥ - Todos os direitos reservados © 2014