9

A LISTA NEGRA (Jennifer Brown)

Oi gente que ama livros, hoje venho com a resenha do 62º livro lido em 2013 e foi  A LISTA NEGRA (Jennifer Brown). Já tinha muito tempo que eu queria ler este livro e quando ele chegou até minhas mãos eu o passei na frente de todas as outras leituras.
O livro nos traz a Valerie, uma adolescente que sobreviveu a um massacre dentro do seu colégio. Um dos alunos do colégio Garvin, o Nick, abriu fogo em plena praça de alimentação da escola e saiu caçando os adolescentes que ele queria matar, mas nem todos os feridos eram desafetos de Nick e assim, Valerie foi uma das atingidas por essa violência. Só isso já seria o suficiente para ela amargar o trauma pra sempre em sua vida, mas isso não é tudo: Valerie era a namorada do atirador e agora ela é considerada uma cúmplice do que o garoto fez.
Valerie e Nick pertenciam ao grupo de alunos menos populares na escola e além disso, o casal era alvo fácil de hostilidades e vítima constante de bullyng e em um momento de desabafo, Valerie faz uma lista de coisas, sentimentos e pessoas que ela queria que sumissem da sua vida. Essa lista cai nas mãos de Nick e ele leva aquilo tão à sério que pretende exterminar as pessoas que incomodam a namorada, mas quando ela tenta impedir que ele atire contra as pessoas, ela mesma é atingida e Nick acaba se suicidando.
Valerie tem que superar o trauma de ter levado um tiro, superar a morte do namorado e enfrentar o retorno à escola, mesmo sabendo que a maioria a odeia e paralelo a isso tudo, a situação dentro da sua casa está um caos, pois seus pais estão se divorciando.
Valerie tenta passar por tudo aquilo, mas não é nada fácil e uma das pessoas que compõe a sua lista e que sobreviveu ao massacre, acaba se aproximando dela e se tornando sua amiga.
O livro perde um pouco o ritmo do meio para o final e eu confesso que me senti um pouco enrolada pela autora, mas então, ela amarra a história de uma forma comovente, bonita e inteligente e quando o livro termina, eu me vi suspirando aliviada porque ela encontrou uma maneira muito bacana de finalizar a história sem adicionar dramas desnecessários.
Os capítulos iniciam-se descrevendo o perfil de cada vítima, inclusive do assassino e isso dá uma abrangência bem interessante para a construção de toda a trama.
O livro é mais uma oportunidade para refletirmos sobre o bulling e a intolerância dentro do gênero Jovem/adulto. É aquela alfinetada necessária que todos precisamos para nos questionar em que lado da história estamos e se nossos motivos são legítimos. Acredito que é um livro muito apropriado para ser debatido nas escolas, uma vez que a nossa realidade não está tão longe da ficção, ou vocês já esqueceram o massacre da escola em Realengo, no Rio de Janeiro em 2011?
Enfim, super recomendo a leitura e que ela possa ter o espaço de reflexão ao qual se propôs.


Um pouco sobre a autora: Jennifer Brown nasceu em Kansas, Estados Unidos. Ela se formou em Psicologia e conseguiu alguns trabalhos de Recursos Humanos, mas não demorou muito para ela perceber que essa não seria sua profissão. O que é inusitado é que Jennifer apesar de ter escrito um livro tão intenso como A Lista Negra, ela começou escrevendo colunas de humor para um jornal. Inclusive ganhou dois Erma Bombeck Global Humor Award (2005, 2006), mas deixou de ser colunista e agora se dedica em tempo integral para os livros jovem/adulto: A Lista Negra é o seu único livro publicado no Brasil
Comentários
9 Comentários

9 comentários:

  1. Bem interessante a temática deste livro. Realmente é um drama muito real e tem de ser refletido por todos, infelizmente os jovens são reflexo das coisas que ouvem e vivem em casa. Acham normal ouvir os pais apelidando alguém ou fazendo chacota de outras pessoas e isso acaba agravando a vida não apenas daqueles que ouvem, mas daqueles que vivem sob esse jugo. Adorei sua indicação e fiquei curiosa para saber como termina essa história :)

    Boa Semana!
    http://livrosromanticos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. É um dos livros que está na minha lista de leitura e faz é tempo.
    Adoro a sinopse dele e não tem sequer uma resenha que leio e que seja negativa.
    Vou comprar na minha próxima compra, que não sei quando será. hehehe.
    Mas ansiosa desde já!

    bjus
    terradecarol.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Eu já tinha me interessado bastante por esse livro.
    O problema é acabei esquecendo dele, mas agora lembrei-me novamente, rs.
    Quando dramas são bem tratados, me cativam. Sem contar que já li vários comentários positivos sobre a escrita da autora.

    ResponderExcluir
  4. nossa esse livro fala de uma maneira tao intima sobre um assunto tao triste e infelizmente tao comtemporaneo!!
    fico feliz que ela tenha tido um final feliz na historia a autora esta de parabens
    adorei o post!
    seguindo:)
    bjs

    thereasonwebnovela.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Não conhecia esse livro, como assim eu não conhecia ?!
    Eu fiquei tão vidrada na sua resenha que me imaginei lendo o livro. Deve ser tensão pura mesmo. Quero poder imaginar tudo o que acontece nessa escola e na vida da protagonista.

    ResponderExcluir
  6. Faltam-me palavras para descrever o quão esse livro é maravilhoso e impactante. É do tipo que nem os anos são capazes de apagar tudo que se pode sentir através dele. Sem sombra de dúvidas, é um dos melhores que li esse ano e que venham outras obras de Jennifer Brown. A Lista Negra realmente é uma leitura obrigatória. Recomendadíssimo.

    ResponderExcluir
  7. Que livro mais perfeito deve ser esse! Eu mesma não esqueço nunca mais do massacre lá em Realengo então imagino que esse livro também será difícil de esquecer quando ler ele. O que espero fazer logo!

    ResponderExcluir
  8. Olá Ivi!! Tudo bem??
    Já conhecia este livro e confesso que ele já está na minha lista de compras há algum tempo, mas ainda não pude comprar, li muitas resenhas sobre está historia e ao terminar de ler sua resenha, me animei ainda mais por esta historia que tem um assunto tão atual, apesar de ser uma historia triste,concordo que este tipo de livro deveria ser lido nas escolas, para gerar consciência das pessoas que praticam o bullyng.
    Beijocas e parabéns pela resenha!!

    ResponderExcluir
  9. Adorei sua resenha. Esse livro é muito falado por aí. Tenho vontade de lê-lo há um tempinho já, e quero fazer isso logo, logo.

    Beijos e boas leituras!

    livrosobaluzdalua.blogspot.com

    ResponderExcluir

 
♥ Meu Amor Pelos Livros ♥ - Todos os direitos reservados © 2014