20

UMA CURVA NA ESTRADA (Nicholas Sparks)

Quem assina a resenha de hoje é a Kelly.

De volta ao meu autor favorito, só tenho uma palavra para este livro: Surpreendente! Miles é um sub-xerife respeitado na cidade de New Bern, obcecado por descobrir o responsável pelo atropelamento que resultou na morte de sua esposa Missy. O casal tem um filho (Jonah) que sofre muito pela morte da mãe.A surpresa é a narração do livro, feita por quem atropelou Missy, o que é percebido pela frase “eu era o motorista do carro”. A partir daí, os capítulos são alternados, alguns com desenvolvimento da história e outros com lembranças do assassino, relatando o momento do atropelamento e sua reação com o fato.Com intuito de ajudar no aprendizado de Jonah, a nova professora (Sarah) convida Miles para uma reunião e propõe atividades em casa, além de um reforço escolar após as aulas e se envolve tanto com o menino como com o pai. A professora é divorciada, recém chegada na cidade e tem certo ressentimento do ex-marido pelo motivo do divórcio. A mãe de Sarah a convida para o almoço de ação de graças em sua casa, Miles e Jonah conhecem sua família (composta pelos pais e o irmão) e são bem recebidos por eles.
Nos próximos capítulos, há a narração do atropelamento de Missy, o que me pareceu um pouco chocante pela descrição do estado do corpo dela após o choque com o carro. Enquanto isso, Miles prossegue com a investigação, encontra um possível suspeito pelo crime e é afastado do caso.
É possível perceber a agitação do narrador com o passar do tempo, sendo que em determinado momento este não consegue manter o segredo.  Ao invés de proporcionar a finalização da obsessão pela busca, a revelação coloca Miles em dúvida sobre a atitude a ser tomada e até mesmo seu relacionamento com Sarah fica comprometido.
Gostei muito do livro, o tom do narrador é meio sinistro e até perseguidor, ao relatar fatos passados e acompanhar momentos de Miles e Jonah ao se esconder na varanda da casa deles. Fiquei surpresa após a revelação do responsável pelo acidente e até li o capítulo em que este é mencionado para relembrar a reação ao ver Miles e o filho.
Sendo Nicholas Sparks, sempre há o romance característico no livro, porém o tom de suspense e a narrativa do livro pelo personagem que abalou a vida do protagonista foram escolhas bem interessantes! Recomendado!

Quote escolhido: “A culpa e a angústia na verdade nunca tinham me deixado. Estavam apenas adormecidas como um urso que hiberna durante o inverno, alimentando-se de seus próprios tecidos enquanto espera a chegada da nova estação.” – página 235.


Sobre o autor: Nicholas Sparks Charles nasceu em Omaha, no estado do Nebraska, EUA, em 31 de dezembro de 1965. Alguns dos livros dele que já foram publicados no Brasil:

1996 Dário de uma paixão

1999 Um Amor pra recordar
2000 O Resgate
2001 Uma Curva na Estrada
2002  Noites de Tormenta
2003 O Casamento
2005 O Milagre
2007 A Escolha 
2007 Querido John                                    
2008 Um Homem de Sorte
2009  A Última Música 
2010 Um Porto Seguro
2011 O Melhor de Mim
2012 A Primeira Vista
2013 O Guardião 
Comentários
20 Comentários

20 comentários:

  1. O Nicholas também é um dos meus autores favoritos, mas ultimamente ano me decepcionando um pouco com os livros dele, tanto que dei uma parada, tenho Um porto seguro desde dezembro e ainda não li, já emprestei para duas pessoas lerem e eu mesma ainda não li, acho que com um pouco de medo de não gostar. A história desse livro me pareceu bem interessante, ainda mais agora que sei que quem atropelou também narra o livro, isso deve dar algumas pistas durante a leitura. Vou querer ler com certeza.
    Gostei da resenha.
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Eu só li um livro do Nicholas Sparks, A Última Música, não está entre os meus livros favoritos, mas eu gostei bastante. Pelas resenhas que eu li de Uma Curva na Estrada ele é um pouco diferente dos outros livros dele né?
    Fiquei curiosa pra ler...
    Beijos :)

    ResponderExcluir
  3. Eu adorei esse livro,
    mas não fiquei nenhum pouco surpresa com o responsável
    responsável pelo acidente, logo de cara eu já suspeitei do culpado.

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Esse livro do Nicholas me surpreendeu bastante.
    Uma coisa meio Agatha Christie com romance rsrsrsrs
    o Nicholas é um autor que gosto, apesar de não ser meu prefeito, pois romance não é minha muito a minha praia.Entretanto, eu leio todos os livros dele, mesmo demorando um pouco.
    Esse livro me surpreendeu positivamente, pois fugiu um pouco do estilo dele sem deixar de ser bom.Claro, não é meu preferido autor e nem acho que ele deva enveredar por este tipo de estilo mas é uma leitura válida, principalmente para quem gosta do estilo.
    Beijocas

    ResponderExcluir
  5. Uau! Li resenhas sobre o livro que me davam uma boa impressão, mas nenhuma como esta, que me deu vontade mesmo de ler o livro! Fiquei encantada com essa trama que envolve mistério, tensão, drama e romance. Todos os ingredientes pra fazer sucesso comigo. Adorei Sparks se aventurando em território de mistério, haha, em vez das lágrimas de sempre. Ponto pra ele!

    ResponderExcluir
  6. Nunca li nenhum livro do Sparks, apesar de ter uns 5 na estante. Eu tenho muita vontade de ler, adoro as sinopses, as histórias e tal. E todo mundo fala bem dele. Minha irmã é apaixonada por ele.
    Aaahh e ele vem pra Curitiba no final do mês, só que quando fui buscar meu convite já não tinha mais. :/

    ResponderExcluir
  7. Me lembrou um pouco um Homem de Sorte e se o desfecho for o que tiver pensando minha teoria sobre o Sparks está correta já li alguns livros dele parei de ler quando lançou Um Porto Seguro que falei é tudo igual demais não dá pra ler.

    ResponderExcluir
  8. É ate meio vergonhoso falar que eu nunca li um livro de Nicholas Sparks e nem vi filme de alguma história dele. A explicação é que eu fujo de romances açucarados e sempre vi as histórias dele como se fossem desse gênero. Na sua resenha vi que tem um suspense nesse livro, já me interessou. Eu preciso ler nem que seja só um livro de Sparks pra poder formar uma opinião sobre ele e acho que vou começar por esse.
    Bjs

    ResponderExcluir
  9. Ah eu adoro os livros da Nicholas, eles são incriveis, eu ainda não li esse livro, mas to super ansiosa para ler, e que super interessante o assasino que narra a historia, não vejo a hora de poder ler o livro, pois quero muito saber quem é ele, e por que não se entregou já que estava arrependido?

    ResponderExcluir
  10. Já tentei várias vezes ler livros do Nicholas Sparks, mas não consigo de jeito nenhum. Não acho legais os livros dele (desculpa pela revolta. kkk), sempre morre alguém que eu goste ou a mocinha não fica com o garoto legal.
    Enfim, adorei a resenha apesar de não gostar do autor. E vou tentar mais uma vez ler alguma coisa dele, acho que A Primeira Vista.

    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  11. Eu preciso ler um livro de Nicholas Sparks >.< (rs). Já disse isso mais de uma vez. Na Curva da Estrada parece ser o tipo de livro que encanta e envolve com os sentimentos de luto à redescoberta do amor. Eu acho que é uma das coisas mais difíceis de abordar num romance... A sombra da esposa morta (ou do marido) e a dificuldade em se entregar novamente a uma relação.
    Ao que parece, o Nicholas Sparks fez isso muito bem (como esperado pelos seus fãs) – rs. Lerei primeiro Querido John dele. E, se gostar, acho que este livro será o segundo a ser lido.
    Beijos!!!

    www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. A escrita de Nicholas Sparks é sempre reconhecível durante a leitura de seus livros, mas o incrível é o quanto não enjoamos de seus romances e o quanto ele consegue nos levar a mil leituras diferentes com a mesma temática.
    Ainda não li ''Uma Curva na Estrada'', mas amei saber que a pitada de suspense que ocorre com o principal é um ponto alto.

    ResponderExcluir
  13. É muito novela mexicana dos acasos, mas também fiquei surpresa com a revelação do final. É um livro muito gostoso de ler, gostei da história dele e vale a pena conferir. É uma das que mais gosto do autor, já li umas três vezes e é só amor por essa trama. Adoro o jeitinho de interior das histórias dele e com esse tom policial, mesmo não sendo totalmente policial e mais focado no amor, ficou gostoso de ler. Vale a pena.

    ResponderExcluir
  14. Os livros dele são dignos de novela mexicana, seguem do mesmo jeito.
    Ainda não li esse, mas gostei de saber do suspense, espero me surpreender lendo.

    ResponderExcluir
  15. Nunca li nada do autor do momento,"tio" Nicholas Sparks. Confesso que tenho um pouco de preconceito com os temas abordados por ele e na maneira como aborda o amor,mas esse livro na qual vc resenhou,Kelly, "Uma curva na estrada" me intrigou e gostei de saber que tem bastante suspense e mistério e que a trama é narrada pelo atropelador. Bjos :)

    ResponderExcluir
  16. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  17. Adorei saber que o Nicholas é seu escritor preferido... E se esconder na varanda da casa deles??? Fiquei curiosa para ler... Eu não pude ir no evento dele aqui em Curitiba :(

    XOXO
    umnovo-roteiro.blogspot.com

    ResponderExcluir

  18. Oi adorei.. muito obrigado, amei a maneira que vc usou para descrever essa resenha...me fez se interessar pelo livro....mas vc já leu o livro reverso escrito pelo autor Darlei... se trata de um livro arrebatador...ele coloca em cheque os maiores dogmas religiosos de todos os tempos.....e ainda inverte de forma brutal as teorias cientificas usando dilemas fantásticos; Além de revelar verdades sobre Jesus jamais mencionados na história.....acesse o link da livraria cultura e digite reverso...a capa do livro é linda
    www.livrariacultura.com.br/scripts/resenha/resenha.asp?

    ResponderExcluir

 
♥ Meu Amor Pelos Livros ♥ - Todos os direitos reservados © 2014